Clínica de Dependentes Químicos

A dependência química normalmente não é muito bem compreendida. Nós, da Clínica de Recuperação Grupo Nova Etapa, entendemos que, na verdade, ela se trata de uma doença crônica, sendo que algumas pessoas possuem maior propensão a desenvolvê-la devido à forma com que seus neurônios processam as informações. Por isso, o tratamento com profissionais qualificados e que estejam preparados para lidar com essas situações com uma abordagem moderna e adequada fará toda a diferença para o sucesso do abandono do vício.

O tratamento para a recuperação de dependentes químicos envolve diversas etapas, que incluem a detoxificação, o tratamento dos sintomas que levam o paciente a buscar o uso das substâncias ilícitas, e a prevenção de recaídas, para que, então, o paciente possa ser reinserido na sociedade e volte a ter uma vida normal e produtiva. Medicamentos podem ser prescritos pelo médico se necessários, o que ocorre especialmente para controlar os sintomas da abstinência nos estágios iniciais, e o controle de doenças psíquicas que possam levar a recaídas, como transtornos de ansiedade e depressão, por exemplo.

O programa de detoxificação da substância é o primeiro passo do tratamento, e é ele que irá permitir que o indivíduo supere sua dependência física, em um ambiente seguro e apropriado para controlar os sintomas da abstinência. Como dissemos, nessa fase alguns tipos de medicação podem ser utilizados para controlar os sintomas causados pela ausência da substância, que, em alguns casos, podem ser bastante fortes. Nessa fase, o acompanhamento é feito de perto, e sua duração será determinada pela equipe médica de acordo com os exames realizados no paciente e sua condição geral de saúde.

Seguindo-se essa fase, o paciente deverá se submeter a um tratamento psicológico, que irá identificar os gatilhos que o levam a buscar conforto nas substâncias químicas e ensiná-lo a buscar alternativas para quando a vontade de voltar ao vício for mais forte. Geralmente utilizamos a terapia cognitivo-comportamental, que é a terapia que possui mais sucesso para lidar com esses casos de dependência. Ao contrário do processo de detoxificação, em que o tratamento é o alívio físico dos sintomas de abstinência, é nessa etapa que ocorrerá o alívio psicológico da abstinência, o que a torna a mais importante para o efetivo sucesso do programa.

Ela pode acontecer em grupo, individualmente, ou em uma combinação de ambos, a depender do caso. Quanto mais longo o tempo de dependência de uma substância, mais difícil é para o indivíduo imaginar sua vida longe delas, sendo que alguns chegam até a acreditar que é impossível viver sem seu consumo. Por isso, nessa fase, ele será orientado e irá entender o motivo por que é possível contornar essa dependência, e como se sentir bem sem a substância. Irá perceber quais são as situações em que será mais difícil enfrentar a dependência, e receberá ferramentas para isso.

Com isso, o paciente será orientado a modificar os seus comportamentos que se relacionam ao uso da substância, e aprenderá outras habilidades que possam fazer com que ele redescubra o prazer na vida, como a prática de atividades físicas e a interação social.

 

 

Blog

Estamos Online