Informações

Como identificar se me tornei uma pessoa alcoólatra?

Como identificar se me tornei uma pessoa alcoólatra

O fim de ano já está chegando. E mesmo que 2020 tenha sido um ano atípico, conturbado, é comum que todos queiram comemorar a chegada de um novo ano, com a esperança de que seja melhor do que o atual. Também é comum que tais comemorações estejam acompanhadas de bebidas alcoólicas. Se você aprecia muito as bebidas alcoólicas tem o seguinte pensamento: “como identificar se me tornei uma pessoa alcoólatra?” esse artigo é para você. Continue a leitura para saber mais!

A bebida alcoólica faz parte da cultura do brasileiro. É normal as pessoas se reunirem para conversar e tomar uma cerveja, por exemplo. Ou até mesmo festas em família contam com as bebidas alcoólicas. E até aí tudo bem. Não há nada de errado nisso.

No entanto, o abuso do álcool leva à dependência e pode causar sérios problemas de saúde, inclusive ocasionar o alcoolismo.

Abuso de álcool e alcoolismo, apesar de estarem correlacionados, não são a mesma coisa. Uma pessoa que abusa do álcool, das bebidas alcoólicas, não pode ser necessariamente considerada alcoólatra. Vamos falar um pouco mais sobre os sintomas do alcoolismo mais adiante.

A Organização Mundial da Saúde chega a classificar o alcoolismo como uma doença psiquiátrica, que apresenta componentes físicos e mentais. Isso significa que, embora existam fatores fisiológicos envolvidos, a dependência muitas vezes é psíquica.

Portanto, é bem importante salientar que alcoolismo não tem nada a ver com desvio de caráter, falta de vontade de mudar ou algo do tipo. Esses são julgamentos comuns por parte da sociedade ao se referir a um alcoólatra.

O vício do álcool é um problema com abrangência global: mais de 3 milhões de pessoas em todo o mundo morrem em consequência direta ou indireta do alcoolismo.

Como identificar se me tornei uma pessoa alcoólatra: sintomas do alcoolismo

sintomas do alcoolismo

Agora que falamos um pouco do alcoolismo e procuramos deixar bem claro que ele é uma doença, vamos falar dos sintomas para te ajudar a responder a pergunta: como identificar se me tornei uma pessoa alcoólatra?

O metabolismo do álcool pelo organismo é feito principalmente pelo fígado, que remove cerca de 98% da substância do corpo humano. O restante é eliminado pelos rins, pulmão e pele.

Os sinais de embriaguez são amplamente conhecidos: euforia, alterações no comportamento, perda da timidez, emotividade exagerada e, em alguns casos, tendência à agressividade. Porém, os sintomas de alcoólatra vão muito além da intoxicação por álcool.

Em geral, pessoas que já se tornaram dependentes tendem a:

  • beber sozinhos e fora de situações sociais.

  • continuar a beber mesmo quando percebem que estão se afastando da família e dos amigos.

  • demonstrar agressividade quando confrontados.

  • ter dificuldades para parar de beber mesmo estando embriagados.

  • apresentar paranoia e alucinações.

  • tentar esconder as evidências do consumo de bebidas alcoólicas.

  • apresentar sinais preocupantes, como perda de memória, tremores, insônia e falta de apetite.

Se você costuma consumir bebidas alcoólicas em excesso e se identificou com algum destes sintomas, tome cuidado. Pois talvez você já tenha a resposta para a pergunta: como identificar se me tornei uma pessoa alcoólatra?

Mas algo que acontece com muita frequência é o próprio alcoólatra ter dificuldade em reconhecer-se como tal. Na grande maioria dos casos é a família que percebe esse estado no outro. E este, por sua vez, tende a negar.

Portanto, se a dúvida “como identificar se me tornei uma pessoa alcoólatra” está te causando certo incômodo, pode ser um bom sinal. Pois se você realmente é um alcoólatra, está um passo a frente da maioria dos alcoólatras que não tem esse tipo de pensamento, muito menos admitem estar com a doença.

Como identificar se me tornei um alcoólatra: sinais que indicam que é hora de procurar ajuda

sinais que indicam que é hora de procurar ajuda

Se você ainda tem dúvidas, se ainda está se perguntando: como identificar se me tornei uma pessoa alcoólatra? Vamos compartilhar com você alguns indícios que mostram que está na hora de procurar ajuda:

Necessidade de beber a qualquer momento

Necessidade de beber a qualquer momento

A bebida alcoólica é uma substância química que causa alterações no organismo de quem a consome. Ela atua no sistema nervoso central do indivíduo, promovendo as sensações de prazer, euforia e entorpecimento.

Essas sensações podem facilmente fazer com que um indivíduo se torne dependente. Uma pessoa que abusa do álcool e procura beber em qualquer ocasião devido à necessidade de manter os efeitos dessas substâncias.

Além disso, à medida que o consumo dessa substância aumenta, a tendência é que o indivíduo se torne mais resistente aos efeitos do álcool e tenha de beber cada vez mais para alcançar as sensações desejadas.

Algumas pessoas chegam a trocar as refeições pela bebida, o que oferece um grande risco à saúde.

 Fadiga e dificuldade de raciocínio

Fadiga e dificuldade de raciocínio

Por atuar no sistema nervoso do indivíduo, é comum o álcool afetar sua capacidade cognitiva.

Entre as drogas psicoativas ou psicotrópicas, ele é classificado como um depressor. Assim, seu consumo causa sonolência e sensação de relaxamento.

No longo prazo, o abuso do álcool pode provocar cansaço físico e dificuldade de raciocínio. Confusão mental e até alucinações podem ocorrer em casos mais graves.

Esses sintomas tendem a ficar mais intensos à medida que a pessoa desenvolve tolerância a essa substância e precisa consumi-la cada vez mais para obter as sensações desejadas.

Distúrbios alimentares ou do sono

Distúrbios alimentares ou do sono

O desejo de consumir bebida alcoólica pode inibir a vontade de se alimentar e causar problemas relacionados à alimentação como a anorexia ou bulimia alcoólicas. Nesses casos, a pessoa deixa de se alimentar intencionalmente e pode induzir-se ao vômito ou purgação (com o uso de laxantes, por exemplo).

Além disso, o álcool costuma retardar o sono de um indivíduo, causando distúrbios como insônia, sonambulismo e até problemas respiratórios, como a apneia do sono.

Alterações no metabolismo

Alterações no metabolismo

O álcool é uma substância rapidamente absorvida pelo organismo após o consumo. Passado o efeito imediato de prazer e euforia, ele pode causar dor de cabeça, náusea e vômito, a chamada ressaca.

O consumo em excesso dessa substância pode prejudicar o funcionamento dos órgãos que trabalham para processar essa substância. Assim, fígado, pâncreas e rins costumam ser os mais afetados pelo abuso do álcool.

Além disso, a falta de bebida alcoólica pode causar a síndrome de abstinência. Ela ocorre quando a concentração de álcool no sangue diminui e costuma causar irritabilidade, taquicardia e suor em excesso (sudorese). Em casos extremos, pode provocar convulsões e até levar a óbito.

Alterações de humor

Alterações de humor

Uma pessoa sob o efeito do álcool costuma demonstrar alegria, euforia e relaxamento. Ela pode se tornar dependente dessas sensações e passar a consumir álcool em quantidades cada vez maiores para prolongar esses efeitos.

Por outro lado, quando a quantidade álcool diminui em um organismo que tem o hábito de processá-lo em grande volume, ansiedade, depressão, irritabilidade e agressividade são alguns dos sinais que podem aparecer.

Assim, torna-se necessário recorrer ao tratamento médico para reduzir gradualmente o consumo dessa substância de modo que o organismo não sofra.

Bem, esperamos ter ajudado você a responder a pergunta: como identificar se me tornei uma pessoa alcoólatra? Mas se você está com dificuldade para lidar com o álcool, queremos ajudar ainda mais.

O Grupo Nova Etapa é uma instituição com anos de experiência em ajudar pessoas a vencerem o alcoolismo. Queremos ajudar você também! Por favor, entre em contato conosco e saiba mais. Será uma grande satisfação para nós poder falar com você!

Previous ArticleNext Article