Clínica de recuperação masculina

Clínica de recuperação masculina

O Grupo Nova Etapa possui tratamento voltado para os homens em clínica de recuperação masculina. Para entender um pouco mais sobre o assunto, continue a leitura.

Mulheres e homens possuem suas particularidades em diversos aspectos. E tratando-se de dependência química, as coisas costumam seguir a mesma linha.

A dependência química é uma doença que afeta tanto homens quanto mulheres, mas a imensa maioria ainda é o público masculino.

Por esta razão o Grupo Nova Etapa possui uma abordagem específica quando recebe pacientes em sua clínica de recuperação masculina.

De acordo com o III Levantamento Nacional sobre o uso de drogas pela população brasileira, desenvolvido pela Fiocruz em 2015, 4,9 milhões de pessoas haviam feito o uso de alguma droga ilícita nos últimos 12 meses anteriores à pesquisa. Deste mesmo número, 5% são homens e apenas 1,5% mulheres.

O mesmo levantamento mostrou que entre os usuários de crack, 1,4% são homens e 0,4% mulheres.

Problemas que a dependência química pode causar aos homens

Problemas que a dependência química pode causar aos homens

A dependência química pode causar outros tipos de doenças independente do gênero. Mas no caso dos homens, existem algumas doenças específicas causadas pelo abuso de substâncias químicas.

Esta situação é bem comum na adolescência, nos casos onde os rapazes que praticam musculação ou algum outro esporte similar, costumam utilizar anabolizantes para aumentar sua massa muscular.

O problema é que quando um jovem exagera na dosagem dos esteroides anabolizantes, o corpo começa a detectar que já existe muita testosterona e para de enviar estímulos de produção do hormônio aos testículos, segundo as palavras do professor Jorge Hallak, urologista da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP) e coordenador do Grupo de Estudos de Saúde Masculina do Instituto de Estudos Avançados.

Em outras palavras, o rapaz fica forte, porém o desenvolvimento de seus testículos fica comprometido, causando infertilidade e impotência sexual.

Além dos anabolizantes, outras substâncias também podem prejudicar a saúde do homem, como o próprio álcool que, consumido exageradamente, pode aumentar os riscos de se contrair doenças sexualmente transmissíveis, que consequentemente podem afetar a qualidade do sêmen diminuindo a quantidade de espermatozoides, segundo as palavras da Dra. Cristiane Pires, urologista e membro titular da Sociedade Brasileira de Urologia.

O tabaco também tem efeito semelhante no organismo do homem, além de causar impotência sexual e outros problemas que afetam tanto homens quanto mulheres.

Sabendo de todas estas particularidades e muitas outras que os pacientes masculinos possuem, o Grupo Nova Etapa proporciona um atendimento exclusivo na clínica de recuperação masculina através de diagnósticos precisos realizados por nossos profissionais, apontando as áreas afetadas pela dependência química.

Clínica de recuperação em Anápolis

Clínica de recuperação em Anápolis

Se você está procurando uma clínica de recuperação em Anápolis, esse artigo irá te ajudar a fazer uma boa escolha.

Vamos te mostrar o que você precisa analisar antes de escolher uma clínica de recuperação. Continue a leitura.

Quando o assunto é clínica de recuperação, ainda existe muita dúvida com relação ao o que ela representa, como funciona, quais as garantias que ela fornece aos pacientes e familiares, quanto tempo dura cada tratamento, entre muitas outras dúvidas.

E todas essas dúvidas acabam por gerar uma outra que é a: qual clínica de recuperação escolher?

Pois bem, o Grupo Nova Etapa está aqui para esclarecer de uma vez por todas essa grande dúvida e qualquer outra que possa surgir. O que é bem comum entre aqueles que nunca contaram com os serviços de uma clínica de reabilitação.

Se você procura uma clínica de recuperação em Anápolis, talvez um dos seus maiores receios seja o da clínica não tratar bem seus internos.

Essa preocupação é compreensível. E sinceramente, bem comum entre boa parte das pessoas que procuram clínicas de reabilitação, não apenas em Anápolis, mas em qualquer outra cidade ou região do Brasil.

Falando em especial de Anápolis, uma reportagem feita pela Rede Globo no ano de 2013 denunciava duas clínicas de recuperação para dependentes químicos por maus tratos aos pacientes.

Mais de 60 pessoas foram resgatadas pela polícia local e viviam na clínica em situação similar à cárcere privado. Em outras palavras, viviam como prisioneiros, ou talvez pior.

Alguns dos ex-internos declararam aos jornalistas e policiais que eram torturados e forçados a fazer atividades contra sua vontade.

Casos como esses assustam aqueles que precisam de um tratamento em clínica de recuperação, pois podem pensar que isso é comum, mas não é.

Como saber se uma clínica de recuperação em Anápolis é boa?

Como saber se uma clínica de recuperação em Anápolis é boa

Esse exemplo que acabamos de citar, é um péssimo exemplo de clínica de recuperação em Anápolis. Aliás, não pode nem ser considerada uma clínica de recuperação.

Portanto, não se baseie em casos como este, pois definitivamente são exceção e não regra.

Uma boa clínica de recuperação em Anápolis trata todos os seus pacientes como seres humanos, ou seja, com respeito, empatia e compaixão.

Nós, do Grupo Nova Etapa temos mais de 20 anos de experiência em reabilitação humana e trabalhamos com os melhores profissionais. Profissionais estes que são treinados e preparados para lidar com todos os casos de dependência química.

As nossas clínicas são construídas visando a segurança, conforto e tranquilidade de nossos pacientes e também de seus familiares quando fazem visitas.

Usamos métodos de tratamentos modernos e humanizados, sempre priorizando o respeito à vida. Abominamos qualquer tipo de maus tratos, principalmente àqueles que precisam de ajuda, de bons cuidados e de reaprender a viver sem depender de nenhum tipo de droga.

Se você quer conhecer melhor o Grupo Nova Etapa, nós te convidamos a entrar em contato conosco, tirar todas as suas dúvidas. Temos certeza que você vai concluir por si mesmo que o Grupo Nova Etapa é a melhor escolha de clínica de recuperação em Anápolis.

Clínica de recuperação de dependentes químicos

Clínica de recuperação de dependentes químicos

Nesse artigo nós vamos explorar a importância da clínica de recuperação de dependentes químicos, o que ela significa e como ajuda não apenas o paciente em si, mas também sua família.

Continue a leitura para saber mais!

Quando você fica doente, qual o lugar e a pessoa mais indicados para tratar sua doença? Se você pensou em hospital e médico, então você faz parte da maioria das pessoas.

E é isso mesmo. O médico estuda muitos anos para poder cuidar da melhor forma possível da saúde de seus pacientes. Mas ele não pode fazer isso em qualquer lugar.

Na verdade até pode prestar primeiros socorros em caso de emergência, mas nada como atender em um hospital, onde há uma estrutura favorável, com equipamentos, medicamentos, leitos e uma equipe de outros profissionais como enfermeiros, por exemplo, que irão lhe dar todo o suporte necessários para melhor atender os pacientes

No caso de uma pessoa que sofre com a dependência química, o melhor lugar para ela resolver o problema, é a clínica de recuperação de dependentes químicos.

A negação por parte do paciente e da família

A negação por parte do paciente e da família

Mas assim como o hospital, a clínica de recuperação de dependentes químicos causa uma certa negação.

Tanto por parte do dependente químico, quanto dos familiares.

Por exemplo, vamos supor que um familiar seu tenha que se submeter a uma cirurgia no estômago.

A grande maioria das pessoas (acredito que você também) concorda que a melhor coisa a se fazer é isso e não tentar resolver o problema no estômago de outra forma.

Ir para o hospital e fazer a cirurgia é a melhor alternativa.

Mas concorda que ninguém vai para o hospital porque gosta, ainda mais sabendo que terá que se submeter a uma cirurgia?

Você fica preocupado, seu familiar, principalmente.

Medo que a cirurgia não dê certo, o incômodo de ficar internado, de ter que esperar a recuperação para voltar para casa, entre outras objeções, são comuns.

Alguns se sentem incomodados pelo simples fato de estarem em um hospital, independente de serem pacientes ou apenas visitantes.

Resumindo: era muito “melhor” que seu familiar não precisasse ir até o hospital fazer a cirurgia, não é mesmo? Mas é necessário, não?

Se não for, o problema no estômago pode se agravar e, na pior das hipóteses, levar ao óbito.

É exatamente o mesmo que acontece com um dependente químico e sua família.

Melhor seria não precisar da clínica de recuperação de dependentes químicos. Mas se é necessária, então vamos recorrer a ela!

Clínica para dependentes químicos e suas vantagens.

Clínica para dependentes químicos e suas vantagens

É óbvio que a clínica de recuperação de dependentes químicos irá ajudar o paciente a livrar-se das drogas, abandonar o vício. Isso é o mínimo que se espera. Mas isso não basta.

Ficar livre da dependência química é muito mais do que simplesmente parar de fazer uso da substância que causa a doença.

No período de abstinência, o paciente pode sofrer com algumas crises e a clínica de recuperação de dependentes químicos irá ajudar a superá-las.

Além de cuidar da saúde física, a clínica de recuperação irá também cuidar da saúde psicológica e emocional do paciente que, muitas vezes fica tão, ou até mais abalada que a saúde física.

Na clínica de recuperação de dependentes químicos, o paciente irá reaprender a viver, pois uma pessoa que sofre com essa doença terrível não pode considerar ter uma vida normal.

Vários profissionais estão presentes na clínica de recuperação para ajudarem os pacientes a terem uma vida melhor. Médicos, enfermeiros, terapeutas, nutricionistas, entre outros. Todos unidos em um só propósito: a recuperação humana.

E esses profissionais ajudam tanto o paciente quanto seus familiares a terem uma vida com saúde, felicidade, harmonia. Longe de todo o mal que as drogas causam.

Para saber mais sobre a clínica de recuperação de dependentes químicos, te convidamos a entrar em contato conosco e conhecer melhor o Grupo Nova Etapa.

Já ajudamos muitas famílias a lidarem com a dependência química e vencê-la. Com certeza iremos ajudar você e sua família também!

Clínica de recuperação em Campinas

Se você procura uma clínica de recuperação em Campinas, pode ficar em dúvida entre as muitas opções que há na cidade e região. Mas essa dúvida pode ser sanada se você souber o que é necessário analisar antes de fazer a escolha.

Nesse artigo nós vamos te ajudar a escolher de forma segura a melhor clínica de recuperação em Campinas. Continue a leitura.

Falando um pouco da cidade, Campinas é a terceiro município mais populoso do estado de São Paulo, com cerca de 1.204.073 (2019), segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Campinas fica atrás somente de Guarulhos (1.379.182) na Grande São Paulo, e da capital São Paulo (12.252.023).

A cidade foi fundada em 14 de julho de 1774. Inicialmente, suas principais atividades econômicas eram o cultivo da cana-de-açúcar e do café. Mas a partir de 1930 a indústria e o comércio passaram a obter força e até hoje são as principais fontes de renda em Campinas.

Mas, apesar de Campinas ser a décima cidade mais rica do Brasil e ser responsável por 15% de toda produção científica do país, como qualquer outra cidade grande e desenvolvida, ela também tem seus problemas. Inclusive problemas de saúde e sociais como é o caso da dependência química.

Daí a necessidade de se ter uma clínica de recuperação em Campinas.

A cidade conta com diversos grupos de apoios e programas sociais com foco na prevenção. O que é algo muito importante e sempre deve ser expandido. Mas algo que não deve ser esquecido também, além da prevenção é o tratamento da dependência química.

Claro que sempre é melhor prevenir do que remediar. Mas se caso for tarde para prevenir, então a remediação deve ser feita e o problema não pode ser ignorado.

Clínica de recuperação em Campinas: o que devo analisar antes de escolher uma?

Clínica de recuperação em Campinas

A cidade de Campinas também possui programas por parte do governo municipal para acolher e cuidar de dependentes químicos. Mas o número de pessoas nessa situação é muito grande e por maior que seja o desejo e boa vontade de cuidar de todos os casos de dependência química, é praticamente impossível

É por isso que as clínicas de reabilitação particulares são uma opção. No caso do Grupo Nova Etapa, temos unidades em praticamente todo o território nacional, inclusive clínica de recuperação em Campinas.

Nossa equipe é treinada e capacitada para situações de emergência e resgate com atendimento 24 horas.

Além da equipe profissional, nossas unidades são construídas com o intuito de proporcionar conforto, tranquilidade e segurança aos nossos pacientes.

Nossos métodos de tratamentos são modernos e eficazes. Temos mais de 20 anos de atuação no ramo de reabilitação humana e já ajudamos milhares de pessoas a vencerem a dependência química.

Se você mora na região de Campinas e precisa de ajuda com algum familiar dependente químico, ou se até mesmo você seja a pessoa diretamente afetada pela doença, entre em contato conosco. Nossa equipe de atendimento terá um grande prazer em falar com você e também te ajudar!

Clínica de recuperação para mulheres

Clínica de Recuperação para Mulheres

Uma das muitas dúvidas que as pessoas têm quando o assunto é dependência química e clínicas de reabilitação é se existe uma clínica de recuperação para mulheres.

E a resposta é sim, existe. E a clínica de recuperação para mulheres não existe apenas para poder separar os gêneros.

Mas há um propósito para tal. Continue a leitura para entender o porquê.

As mulheres ainda perdem para os homens quando o assunto é dependência química. O público masculino ainda lidera o ranking, mas as mulheres têm cada vez mais se aproximado.

Estima-se que a cada 3 usuários de drogas, um é mulher. Ou seja, 1/3 (um terço). Esse número cresceu muito na última década.

Um dos principais motivos do aumento de mulheres usuárias de drogas e consequentemente dependentes químicas seria a ascensão da mulher na sociedade.

As mulheres modernas costumam sair mais, trabalhar e fazer praticamente as mesmas coisas e ter acesso aos mesmo lugares que os homens. Isso quer dizer que o acesso às drogas ficou mais fácil.

Além do acesso facilitado às drogas, as mulheres que constituem família, com filhos, e que ainda trabalham fora costumam ter uma responsabilidade muito grande.

E se seu companheiro não procura dividir as tarefas do lar e não é de fato um parceiro, isso pode acarretar um peso muito grande sobre a mulher. E esse pode ser um dos motivos que a leva a consumir drogas. Para “aliviar” a pressão, relaxar, esquecer os problemas por um tempo, etc.

Por que uma clínica de recuperação para mulheres?

Por que uma clínica de recuperação para mulheres

Uma clínica de recuperação para mulheres é necessária porque a mulher é diferente do homem.

Sim, parece óbvio, sabemos que é. Mas por que homem e mulher são diferentes? Não se trata apenas de atributos físicos. Mas principalmente a abordagem que difere de um para o outro.

Por exemplo, mulheres e homens costumam ter diferentes motivos para começar a usar drogas.

Os homens, na maioria dos casos, usam por influência de amigos, no caso dos mais jovens, por uma necessidade de pertencer a um grupo específico. Outro motivo seria por problemas financeiros, falta de dinheiro. Ou ainda desemprego.

Já as mulheres começam a usar drogas por problemas emocionais. Problemas que envolvem relacionamento amoroso, seja por seu término ou o desenrolar que não vai bem, com desentendimentos e brigas. E em casos mais extremos, agressões, físicas ou verbais.

Outro motivo ligado também ao emocional é o sentimento de rejeição que a mulher costuma ter mais do que os homens. Rejeição essa que muitas vezes só existe em sua mente.

Sentir-se mal com seu corpo, sentir vergonha de si mesma, preocupar-se demais com o que os outros vão achar ou pensar pode abalar bastante o emocional da mulher.

Segundo um estudo realizado pela Fiocruz, ( Fundação Oswaldo Cruz) de 5 dependentes químicos em tratamento, apenas 1 é mulher. Isso significa que as mulheres que sofrem com a dependência química procuram menos ajuda e tratamento comparadas aos homens.

Citamos aqui apenas alguns motivos do porquê de uma clínica de recuperação para mulheres ser necessária, mas existem outros também como o próprio organismo feminino que reage de forma diferente as drogas.

Para saber mais detalhes sobre clínica de recuperação para mulheres, entre em contato conosco e teremos grande prazer em atender você.

Clínica de recuperação para drogados

Clínica de Recuperação para Drogados

Talvez você não faça parte desse grupo, mas muitas pessoas quando escutam ou leem o termo “clínica de recuperação para drogados” podem ter uma má impressão. Na verdade, dois tipos de más impressões são as mais comuns.

Uma delas é a do próprio “drogado”. Pessoas que são dominadas pelo uso excessivo das drogas acabam sendo taxadas pela sociedade em geral como marginais ou pessoas de má índole, mau caráter.

E é claro que existem pessoas assim entre os usuários de drogas, mas não podemos generalizar. Há tipos de usuários de drogas que são doentes, ou seja, dependentes químicos. São pessoas que não conseguem mais controlar o consumo de drogas e se tornaram escravas do vício.

A outra má impressão que boa parte das pessoas têm quando escutam falar sobre “clínica de recuperação para drogados” é sobre a clínica em si. Que é um local ruim, onde os internos são mal tratados, forçados a fazer o que não querem. Mas não é bem assim.

Essas duas más impressões se dão muito pelo o que é mostrado em filmes, novelas ou séries de TV. Principalmente a última má impressão que falamos, sobre a reputação da clínica de recuperação.

É comum vermos nos filmes e séries ou novelas a clínica de recuperação para drogados como um lugar ruim, como um castigo. Obviamente há produções que mostram o contrário, mas têm menos destaque.

E mesmo as que mostram a clínica de reabilitação como um lugar bom, mostra também pessoas que têm uma visão errada sobre ela, o que retrata bem a realidade.

No mundo da arte, é mais comum ainda ver o dependente químico como escória, assimilado a pessoas ruins como criminosos, por exemplo.

O que a clínica de recuperação para drogados realmente representa?

O que a clínica de recuperação para drogados realmente representa

A clínica de recuperação para drogados representa um local de cura e de renovação. Ela representa o que seu nome sugere: recuperação, reabilitação. Nela, o dependente químico vai para recuperar sua vida. A que ele ou ela desfrutava antes de se tornar escravo do vício, do consumo descontrolado de drogas.

É comum usar o termo clínica de recuperação para drogados, mas se analisarmos bem, esse termo (drogado) é um pouco pejorativo, que diminui o dependente químico, dependendo da interpretação de quem lê ou ouve. O mais correto é dizer dependente químico.

Nós usamos “clínica de recuperação para drogados” neste artigo pois sabemos que é um termo mais comum entre a maioria das pessoas. Mas jamais usamos com a intenção de diminuir o dependente químico.

O Grupo Nova Etapa conhece bem a dependência química e suas vítimas. Sabemos que um dependente químico não é menos importante do que qualquer outra pessoa.

Por isso todos os nossos pacientes são tratados com muito respeito e dedicação, desde o primeiro momento que o recebemos, até o dia de sua alta. Ou melhor dizendo, pelo resto de sua vida.

Nós realmente desejamos que nossos pacientes tenham uma vida feliz e saudável, longe das drogas.

Para isso contamos com uma equipe profissional de primeira, altamente experiente e dedicada às suas funções, ambos alinhados com o objetivo principal de proporcionar uma recuperação tranquila, segura e eficaz para todos os pacientes.

Entre em contato conosco para saber mais detalhes sobre nossos planos, metodologia e locais de atendimento. Será uma grande satisfação para nós poder atender você!

Clínica De Recuperação Evangélica

O público evangélico tem crescido a cada ano aqui no Brasil. Em especial, nos últimos 30 anos esse crescimento foi ainda mais considerável. E com o público evangélico crescendo é comum que a procura por clínica de recuperação evangélica também cresça.

Ainda falando do crescimento dos evangélicos no Brasil, segundo a projeção feita pelo doutor e pesquisador em demografia José Eustáquio Alves, aposentado em 2019 pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), em 2032 os evangélicos chegariam a marca de 39,8% da população brasileira, superando os católicos que ainda são a maioria em nosso país.

Agora falando sobre a dependência química, ela é um mal que afeta diversos países do mundo todo, inclusive o Brasil. No mundo, são mais de 270 milhões de usuários de drogas, sendo que 30 milhões são dependentes químicos.

Em nosso país, são mais de 3,5 milhões de usuários de drogas ilícitas. Isso, sem contar pessoas que não são contabilizadas, como presidiários, moradores de rua, pessoas que não são assumidamente usuárias de drogas.

Nós, do Grupo Nova Etapa, acreditamos que Deus pode fazer milagres e livrar qualquer um que tenha em Seu nome e em Seu filho Jesus Cristo, da dependência química. E de qualquer outro mal.

Mas também sabemos que a fé sem obras é morta (Tiago 2: 17). A oração é muito importante, sem dúvida. Mas precisa ser aliada ao agir. Não adianta apenas orar e esperar.

Também sabemos que Deus age através de seus servos. Ele poderia fazer tudo sem nós, mas nos dá a chance e a grande bênção de podermos ajudar-nos uns aos outros. E o Grupo Nova Etapa se sente muito grato a Deus por poder ajudar nossos irmãos escravizados pelas drogas.

Clínica de recuperação evangélica: um instrumento nas mãos de Deus

Clínica de recuperação evangélica

O Grupo Nova Etapa acredita que os ensinamentos bíblicos são a melhor forma de ajudar os irmãos dependentes químicos a ficarem livres desse mal tão destruidor que as drogas causam em suas vidas e de suas famílias.

Sem, é claro, deixar de lado todo o tratamento médico e terapêutico. Acreditamos que a junção dos ensinamentos e do amor de Deus com a medicina e as técnicas terapêuticas são a combinação perfeita para combatermos a dependência química.

O Grupo Nova Etapa é uma referência em clínica de recuperação evangélica devido ao resultado que alcançamos. Foram diversos irmãos que conseguiram vencer o vício e tiveram suas vidas renovadas, graças à sua força de vontade, apoio da família e amigos. Mas principalmente, à Deus!

Nós contamos com profissionais inspirados que orientam os irmãos dependentes químicos a ficarem longe dos males do mundo e trilhar um caminho reto exercendo sua fé e perseverança.

Os irmãos também são orientados e ensinados que seus corpos e suas vidas são presentes de Deus e como tal precisam ser preservados com muito respeito e amor. Assim, as bênçãos do Senhor cairão sobre suas cabeças e de seus familiares.

Se você tem passado por problemas com a dependência das drogas, não perca sua fé! Continue orando à Deus, mas lembre-se: fé sem obras é morta. Procure o Grupo Nova Etapa, entre em contato conosco! Ficaremos muito felizes em poder abençoar sua vida e de sua família, como servos de Deus!

Clínica de Reabilitação de Drogas

Se fôssemos responder essa pergunta em bem poucas palavras diríamos que a clínica de reabilitação de drogas é um local onde o dependente químico recebe ajuda médica e psicológica para ficar livre do vício e controlar a doença.

Mas nossa intenção nesse post é nos aprofundarmos um pouco mais no assunto.

Pois sabemos que mesmo com o acesso à informação ser muito mais fácil hoje em dia, graças à internet, ainda há muita dúvida sobre o que é uma clínica de reabilitação e como funciona.

Continue lendo para saber mais detalhes!

Transtornos mentais

Transtornos mentais

As doenças da mente, ou transtornos mentais, são relativamente novas na medicina. E apesar do grande avanço envolvendo descobertas sobre estes transtornos, há muito para se descobrir ainda.

No passado, alguns desses transtornos eram confundidos com possessões demoníacas, desvio de caráter, ou qualquer outra coisa. Menos doença.

Hoje a OMS (Organização Mundial da Saúde) desmistifica tudo sobre transtornos mentais e deixa o mais claro possível o que são.

Mesmo assim, ainda existem pessoas que não entendem o que são transtornos mentais por falta de conhecimento.

Falando especificamente da dependência química (que também é um transtorno mental) as coisas ficam ainda mais nebulosas para certas pessoas.

Para ficar mais claro, vamos usar um exemplo de transtorno mental mais comum nos dias de hoje que é a depressão.

Ela é uma doença que tem se tornado cada vez mais popular em todo o mundo. Mas ainda há pessoas que acham que ela não existe, que é apenas tristeza, desânimo ou algo parecido. Mas doença, não.

Agora, falando da clínica de reabilitação de drogas, em especial da dependência química, a situação é um pouco pior.

Sugerimos que você faça um teste. Pergunte às pessoas que fazem parte do seu círculo de relacionamento, colegas de trabalho, faculdade ou familiares o que eles pensam sobre um dependente químico, um viciado em drogas.

É bem provável que as opiniões sejam negativas. Do tipo: a maioria são bandidos, “nóias”, vagabundos, pessoas ruins. Entre outros adjetivos pejorativos.

É claro que há pessoas desse tipo entre os dependentes químicos. Mas não podemos generalizar.

A Clínica de reabilitação de drogas e o seu papel principal

A Clínica de reabilitação de drogas e o seu papel principal

O papel principal da clínica de reabilitação de drogas é resgatar o indivíduo que está sendo destruído pela dependência química.

Não apenas fazer com que ele ou ela deixem de usar drogas. Isso não é suficiente. É apenas um dos passos referentes ao tratamento da doença.

Na clínica de reabilitação de drogas o paciente irá receber apoio psicológico e terapêutico para conseguir abandonar a vontade de consumir a substância que desencadeou.

Irá aprender novos hábitos e praticar atividades que o ajudarão a viver longe das drogas.

A clínica de reabilitação de drogas é muito mais do que um hospital. Ela é uma segunda chance de ter uma vida de verdade.

Ela ajuda o dependente químico, mas também ajuda sua família ensinando como lidar com a doença durante o tratamento e também no pós-tratamento.

Assim como muitos têm uma visão negativa sobre dependentes químicos, com a clínica de reabilitação de drogas não é diferente. As pessoas podem pensar que lá será um local de dar um “corretivo nos drogados”. E não é nada disso.

Aqui mesmo, no Grupo Nova Etapa, tratamos todos os nossos pacientes com muito respeito e queremos que todos fiquem livres das drogas e da dependência. Usamos métodos que priorizam o bem-estar, a segurança e o respeito pela vida.

Convidamos você a conhecer mais sobre nós, principalmente se a dependência química é um problema em sua vida.

Nós já ajudamos milhares de famílias a vencerem a batalha contra a dependência química e com certeza também poderemos te ajudar! Entre em contato conosco para saber mais!

Como é o tratamento em uma clínica de dependente químico

Como é o tratamento em uma clínica de dependente químico

Famílias que têm casos de problemas com drogas em seu meio costumam se perguntar como é o tratamento em uma clínica de dependente químico.

Faz pouco tempo que a dependência química é dada como uma doença. Foi a partir do ano de 2001 que a OMS (Organização Mundial da Saúde) a definiu como transtornos mentais e comportamentais devidos ao uso de múltiplas drogas e ao uso de outras substâncias psicoativas.

Antes disso, a dependência química era vista apenas como desvio de caráter ou consequência de algum problema psiquiátrico. Infelizmente, por falta de informação, ainda hoje em dia muitos pensam assim. Mas as coisas estão melhorando aos poucos.

Tanto é que o número de internações nas clínicas de recuperação tem aumentado, mesmo que timidamente.

Isso têm seu lado bom e seu lado ruim. Ruim porque sabemos que se há mais internações, é sinal que há mais dependentes químicos. Mas o lado bom é que mais pessoas estão procurando por ajuda.

O número de dependentes químicos que procura ajuda ainda é baixo, mas vem crescendo aos poucos. Graças ao modo como a dependência química é vista pela medicina. E pelo acesso à informação que facilmente pode chegar aos dependentes químicos e seus familiares.

Quando o dependente químico tem consciência de que está doente e precisa iniciar os tratamentos, as coisas costumam ser mais fáceis. Tanto o processo de internação, quanto a reabilitação.

Mas nem sempre isso é possível. Quando o paciente não aceita o tratamento, a família pode autorizar. Essa é a chamada internação involuntária. Falamos mais sobre tipos de internação em um outro artigo e você pode lê-lo clicando aqui

Tipos de tratamento em uma clínica de dependente químico

Tipos de tratamento em uma clínica de dependente químico

Os tipos de tratamentos realizados em uma clínica de dependente químico podem variar de um estabelecimento para o outro. Mas em geral, são 3: tratamento interno, tratamento externo e tratamento de internação parcial.

No tratamento interno o paciente fica de fato internado na clínica de reabilitação e recebe cuidado e orientações médicas, psicológicas e sociais, participando de atividades terapêuticas e recreativas, tanto em grupo, quanto individualmente.

A clínica se torna sua casa pelo período necessário para sua recuperação. Esse tempo depende de cada indivíduo. Alguns podem passar 30 dias internados e outros 6 meses ou mais.

Já no tratamento externo o dependente químico não fica internado. Ele visita a clínica para participar de sessões terapêuticas e de grupos de apoios. Como um paciente que consulta o médico para tratar de qualquer outra doença.

Por fim, o tratamento de internação parcial é uma combinação entre o tratamento interno e o tratamento externo. Nele, o paciente recebe atendimento na clínica de reabilitação durante o dia e vai para casa durante a noite. O tratamento recebido é praticamente o mesmo pelos pacientes internos. Ou seja, cuidados médicos, psicológicos e atividades sociais.

O tipo de tratamento escolhido para cada paciente é definido pela equipe médica após a triagem que envolve exames médicos e entrevista com o paciente. Em casos onde a internação é involuntária, sem o consentimento do paciente, o tratamento interno é recomendado em quase 100% das situações.

Se você precisa de ajuda para combater a dependência química e quer saber mais detalhes de como é o tratamento em uma clínica de dependente químico, entre em contato com o Grupo Nova Etapa. Estamos prontos para te ajudar!

Como Internar Em Uma Clínica De Reabilitação

Como Internar em uma Clínica de Reabilitação

Uma das dúvidas que surgem quando alguém tem um problema relacionado a dependência química é como internar em uma clínica de reabilitação.

Nesse artigo nós vamos falar um pouco mais sobre esse assunto e te ajudar a esclarecer essa dúvida. Continue a leitura!

A primeira coisa que queremos deixar claro é que a internação é necessária na maioria dos casos de dependência química. Muitos podem ver com maus olhos ter que realizar o tratamento na clínica de reabilitação, principalmente o dependente químico.

Mas na maioria das vezes essa é a única maneira de livrar a pessoa desse mal tão avassalador que é a dependência química.

E internar em uma clínica de recuperação não é algo ruim para o dependente químico, nem para a família. Muito pelo contrário, é algo totalmente benéfico. Tanto para o próprio paciente, quanto para os familiares e a sociedade como um todo.

Para ficar ainda mais claro, podemos comparar a internação na clínica de reabilitação com uma internação em um hospital comum. Ninguém gosta de ficar internado.

Quem não prefere ficar em casa ou em qualquer outro lugar que não seja internado em um hospital, não é mesmo? Mas há situações em que a internação é praticamente obrigatória. Ou nos sujeitamos a ficarmos internado no hospital, ou pode custar nossa vida, literalmente.

Assim também acontece com a internação na clínica de reabilitação para dependentes químicos.

Mas agora vamos falar de como internar na clínica de reabilitação. O que você precisa saber antes da internação.

O que preciso saber sobre como internar em uma clínica de reabilitação

O que preciso saber sobre como internar em uma clínica de reabilitação

A primeira coisa a ser analisada antes da internação é a situação em que o dependente químico se encontra. Veja a seguir algumas perguntas para ajudar na avaliação:

  • A pessoa está ciente de seu problema? Se sim, ela deseja iniciar o tratamento?
  • Como ela é em casa ou no dia-a-dia?
  • É agressiva? Já agrediu alguém da família?
  • Aceita dialogar sobre a dependência química?
  • Já se envolveu com atividades criminosas?
  • Que tipo de drogas consome? Com qual frequência e intensidade?

Essas perguntas irão te ajudar a decidir qual o tipo de internação é adequada para o dependente químico.

Os tipos de internações

Os tipos de internações

Temos 3 tipos de internações: Internação voluntária, internação involuntária e internação compulsória.

A internação voluntária é a melhor maneira de internar em uma clínica de reabilitação. Pois, como o próprio nome sugere, é uma internação onde o dependente químico aceita de bom grado iniciar o tratamento. Dessa forma as coisas tendem a ser menos difíceis e a recuperação mais rápida.

A internação involuntária é o contrário. O dependente químico não aceita o tratamento nem autoriza. Mas a família pode autorizar em seu lugar. Isso, logo de cara, pode parecer algo do tipo “forçar a internação”.

Mas lembra das perguntas que listamos? Caso o dependente químico não aceite o tratamento e continue destruindo sua saúde e consequentemente sua vida, ele precisa ser internado, mesmo contra sua vontade. Principalmente se estiver causando males à outras pessoas também.

De uma forma bem simples: se você vê uma pessoa que você ama tomando veneno, e diz a ela que não beba que fará mal, mas mesmo assim ela insiste em beber… O que você faria? Deixaria ela beber ou tomaria dela? É mais ou menos assim que acontece com a internação involuntária.

Por fim, temos a internação compulsória, que é semelhante a internação involuntária. Porém, o que difere uma da outra é que na internação compulsória nem mesmo a autorização da família é necessária para ser realizada.

Basta a autorização de um juiz de direito, após analisar laudo médico e pedido de autorização para internação emitido por um médico responsável. Todo esse procedimento está previsto na lei 10.216/01, art. 9º.

Se você tem interesse em saber mais sobre como internar em uma clínica de reabilitação, entre em contato conosco. Nossa equipe está preparada para tirar todas as suas dúvidas!

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Utilizamos cookies para garantir a melhor experiência em nosso site. Acreditamos que você concorda com os termos